menu

Destaques

quarta-feira, 27 de abril de 2016

23 Resenha [livro] - Um Encontro Fatal

Alou, nucciamigos!

O mês de abril está quase no final, mas ainda falta muito pra ser contado aqui no blog! São vááááárias resenhas, tanto de livros, quanto de filmes e séries!

Então, pra não perder tempo, vamos a mais uma resenha de livro nacional! Trago hoje pra vocês as minhas elucubrações sobre o livro Um Encontro Fatal, da extremamente simpática, amiga e nossa linda colaboradora Priscila Ferreira!

Um encontro fatal
Gênero: Policial / Thriller
Editora: Tribo das Letras
Ano:2015

*Livro do acervo pessoal do/a blogueiro/a*

Sinopse:
E se um desconhecido de repente te oferecer a chance de mudar de vida?
Uma garota simples, em busca de uma vida melhor. Um desconhecido pode lhe proporcionar esse sonho?

Acionados no meio da noite para registrar mais um caso de homicídio, tão corriqueiro na grande metrópole, Sophia Martins e sua equipe trabalham para coletar todas as informações disponíveis na cena do crime. As peças do quebra-cabeça simplesmente não se encaixam e aguçam a curiosidade da destemida investigadora. Os caminhos a levam num complexo esquema que envolve pessoas poderosas e, até então, inatingíveis. Ao penetrar nesse contexto, ela descobre que suas ações terão consequências devastadoras e, não importa o quanto trabalhe, ela não conseguirá proteger todos. No seu primeiro caso como investigadora principal, Sophia mergulhará em uma aventura de tirar o fôlego. E as consequências deixarão marcas para vida toda. Ela não poderia imaginar, nem nos seus piores pesadelos, o que enfrentaria.


Existem muitos livros policiais bons pra caramba. Mas, os poucos que eu li são estrangeiros e são daqueles que você termina e fica olhando pro espaço, achando que leu o fim do jeito errado ou que "não acabou, não é possível..."

E eu ficava tristinha porque não achava um nacional nesse nível. Até agora!



Um Encontro Fatal não foi escrito por qualquer autor. Foi por uma que é viciada em séries policiais! Tanto as literárias, quanto as televisivas...! Além disso, a autora mostra que fez uma pesquisa para poder compor ambientes, situações e personagens. O resultado é um tremendo thriller que me deixou sem chão e sem saber do segundo volume! Ouso até dizer que minha veia autoricida começou a latejar...!!! Cuidado, Pri!

Neste livro, a investigadora Sophia Loren (nem ousem repetir o nome assim na frente dela, ela detesta! Culpa do papai viciado em filmes italianos!), recém-promovida e com uma nova equipe de investigação, recebe seu primeiro caso de assassinato na cidade (quente e abafada) do Rio de Janeiro.


Com a ajuda de sua colega de apartamento e também policial Clarissa, do parceiro William, do Erick, um investigador da cidade da vítima que ajuda a tentar resolver o crime, e da sua amiga Laura, a mais jovem promotora pública do Estado, eles buscam desvendar o misterioso assassinato de uma adolescente de Ribeirão Preto, morta com um único tiro na nuca.

A investigação passa por diferentes suspeitos, várias idas e vindas ao laboratório criminalista, muito uso de análise de reconhecimento facial, muita pesquisa em vídeos. A trama se complica com mais um assassinato, o do seu primeiro suspeito, e com a participação de um figurão do governo.


Entrementes, temos o lance entre Sophia e Fernando, um cirurgião plástico que também trabalha como cirurgião geral em um hospital. Eles se conhecem na noite de promoção da Sophia e depois de muitas brigas imbecis e noites de sexo ultra-calientes desenvolvem ao longo do livro uma relação quase estável, mas que precisa de muita conversa e paciência para se firmar.

Além desse casal, temos Will e Clarissa, duas personalidades extremamente opostas, dois amigos de trabalho que vivem se engalfinhando, um provocando e morrendo de ciúmes do outro. E tudo desanda com o caminhar da investigação.


Não posso me estender no desenrolar da história, caso contrário daria um bocado de spoilers. O que vocês precisam entender é que o livro tem muita ação, especulação, intrigas, pesquisa, discussões, reviravoltas e muita, mas muita coisa chocante!

Os personagens são todos bem fundamentados, com personalidades fortes e firmes. Mesmo não se entendendo na parte pessoal/relacionamentos, no trabalho ele se complementam quase perfeitamente.

Nossa protagonista é uma mulher forte, de personalidade definida, ótimo caráter e inteligência espetacular. Ela é uma policial que não se deixa abalar pelos trâmites burocráticos e menos ainda pelo cargo que os outros ocupam. A Deusa disse pra Sophia: desce e arrasa. Ela levou a sério: razô!


Os demais personagens também são bem descritos e fundamentos. Participam amplamente da história, principalmente Clarissa e William que dividem a narrativa com a Sophia. Dá pra perceber a arrogância do personagem deputado, a corrupção dentro da polícia, mas não dá pra perceber quem é o mandante do esquema todo e quem é o assassino até que a autora nos revela.

Sobre a parte técnica, comecemos com a capa. A capa é uma foto em close de uma mulher segurando uma arma, mas não aparece seu rosto por completo, assim nós podemos pensar no físico da nossa querida protagonista com liberdade. A cor predominante é o preto, com destaques em vermelho e branco, como o título. Título este que parece estar atrás da foto, pois é como se um pedaço de papel tivesse sido arrancado. Gostei!



A diagramação interna e a revisão foram feitas pela editora. A diagramação ficou ótima em determinados pontos e ruim em outros. A primeira página de cada capítulo conta com um perfil de mulher armada em cinza, porém o cinza ficou escuro demais. A intenção foi maravilhosa, mas a cor atrapalhou; um tom mais claro seria melhor. As demais páginas contam com aquela linha de medição de batimentos cardíacos, tendo um em formato de coração, tudo em cinza também, no entanto em um tom claro mais agradável.

A revisão desse livro foi milagrosamente boa. Praticamente não vi erros de pontuação, e achei poucos de digitação, com algumas letras trocadas e outras faltando. Narrado em primeira pessoa, com alternância de ponto de vista de alguns personagens, mas focado na protagonista, tem fonte boa (com exceção dos 'bilhetes' cuja fonte diferenciada era bem pequena e chatinha de ler) e papel amarelado.


Enfim... qual a minha opinião? Vou te contar um segredo: um livro policial tem que te fazer tentar descobrir quem é o culpado pelas pistas que o autor revela. Mas o essencial dele é que você quebra a cara quando isso finalmente acontece! Eu pensei em três suspeitos diferentes. Errei lindamente!!!!! Adorei!!!! Tô passada até agora!

Além disso, ela não poupou os personagens de problemas durante a investigação. Não houve pena, não houve precaução. Eles foram perseguidos, levaram tiros, sofreram acidentes, e... Parei! Olha o spoiler querendo passar!!! Spoilers não passarão! Bitches!

Apesar da trama central da história ser comum, ela foi desenvolvida com maestria, de forma a prender o leitor em palpites e nas cenas de ação. Situações inusitadas, rumos inesperados, medo de dar calafrios, insegurança total. E mesmo assim, temos um final espetacular, com algumas coisas a serem resolvidas no segundo livro.


A autora ainda nos brinda com cenas extras e outros pontos de vista na versão física do livro. E, pra fechar com chave de ouro, o primeiro capítulo do segundo volume, só pra você ficar mais p... ainda por não poder ler de uma vez.

Gosta de tramas policiais, com uma boa dose de ação, reviravoltas, romance, cenas hot e um drama básico? Leia, mas leia mesmo!

Não gosta? Tá perdendo um livraço! =P





O livro na rede:


   




Sobre a autora:

Priscila Ferreira, 29 anos, Pernambucana. Cursou Licenciatura em Física na Universidade Federal Rural de Pernambuco e posteriormente se formou em Gestão Financeira na FBV. Leitora compulsiva e amante do gênero policial, tem mania de ler a última página primeiro. Extremamente competitiva, decidiu cumprir um desafio e escrever um livro, seu primeiro Romance - Um Encontro Fatal. Atualmente mora em uma belíssima praia do litoral sul de Pernambuco esposo e  filha. 

CONTATOS:

   
  



PROMOÇÕES ATIVAS:

Não deixe de participar das promoções do blog! Participe também do TOP Comentarista de Abril: você pode ganhar um exemplar do meu livro! Boa sorte!
 

  


O Blog está organizando um book-tour! Participe!

Participando do Book-Tour do livro de contos fantásticos "A Deusa de Anília e outras histórias", você tem a oportunidade de resenhar uma obra nacional linda! E ainda concorre ao livro físico+ um kit de marcadores! Mas corre! As inscrições vão até 30 de abril!

(clique na imagem para ser direcionado à postagem de inscrição)


Esse livro faz parte do Desafio Literário 60 Livros em 1 ano, organizado pelo Blog Livros & Tal, como minha leitura #14de60, como desafio EXTRA e como desafio do mês de ABRIL: leitura de LIVRO NACIONAL.
#DesafioLT2016


Então, Pri, quando que sai o próximo volume mesmo? Ontem???

Espero que vocês apreciem a leitura tanto quanto eu! É de matar! XD

Gostaram? Curta, comente, compartilhe! Ajude a divulgar a literatura do nosso país!

Boa leitura!

Até + ver!





23 comentários:

  1. Olá,

    Eu gosto muito de livros policias, eles não vivem na minha lista de leitura, mas sempre que posso leio algum, e como você só li livros estrangeiros e alguns realmente, eu pensava: poxa isso tudo para esse final assim sem graça? haha. Eu nunca li um livro desse gênero de um autor(a) brasileiro e isso me interessa muito, apesar de que como estudante da área e sei que perícia aqui não é lá essas coisas e o sistema tem seus problemas evidentes. No entanto, gostaria muito de ler essa obra, ver a perspectiva da autora e conhecer esses personagens que você mencionou. Desejo a você excelentes leituras.

    Abraços
    colecoes-literarias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah!... você vai gostar! Apesar dos problemas todos aqui no Brasil (e eu estou ciente da parte laboratorial, já que trabalho em um), lembramos que é uma ficção e dá p focar em outros cantos da história! Leia! ;)

      Excluir
  2. Eba!!! Livro nacional é ainda mais empolgante e nós devemos valorizar muito o trabalho deles. Bom, eu não conhecia esse livro, mas adoro histórias policiais e esse chamou mesmo a minha atenção. Fiquei bem curiosa sobre o desfecho, entre outras dúvidas que surgiram. Legal saber que há romance, cenas mais ousadas e muita ação. Já coloquei na lista de desejados.
    Boas leituras!!!
    Beijos, Fer ♡♡♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Fer!
      Você não vai se arrepender! Aproveita e acompanha a Coluna da Pri aqui no Blog! Ela vai encher a gente de indicações de policiais! Beijos!

      Excluir
  3. Oi Nuccia.

    Você é uma devoradora de nacionais hem kkkkkkk.
    Eu sou apaixonada por livros policiais, toda aquela adrenalina descrita nas páginas é como se na verdade fosse eu que estava vivendo.
    Eu estava lendo a resenha com todo o senario ja montado na cabeça, gostei bastante do enredo descrito.
    É tão bom ver obras nacionais a altura de quaisquer livro estrangeiro, eu na verdade sou uma leitora de livros estrangeiros, são poucas os nacionais que li, mas os que fiz valeram muito a pena.
    Irei ler esse com certeza, estou bastante curiosa.
    Bom Dia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha... a culpa é do desafio! Vc acha que eu devoro, precisa ver a coleguinha nova! rsrsrs...
      O livro d aPri foi uma delícia de leitura! Se vc realmente gosta do gênero vai se apaixonar!

      Excluir
  4. Concordo com sua resenha Nu! Esse livro é maravilhoso e para nosso orgulho é NACIONAL!!! Existem muitos talentos nesse Brasil e escrevendo obras dignas de 5 estrelas! Eu ameiiiiii Um Encontro Fatal e estou ansiosa pelos próximos livros da Pri! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é, Fê!? Um talento gigantesco!!!! E em um gênero bem difícil de agradar! Pri tá com a bola toda! <3

      Excluir
  5. Nossa!! Eu nem sei como descrever esse livro..
    já li e amei!!!!!!! Os nacionais cada vez melhores...
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você tb leu!!!!! E amou!!! Tenho uma irmã de leitura!!!
      Muito melhores!!!! <3

      Excluir
  6. Meu deus que incrível, é uma premissa bem bacana mesmo.
    É tão bom quando encontramos livros nacionais que conseguem chegar à níveis maiores, não é mesmo?
    Amei a resenha.

    Beijos
    ummundochamadolivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oie
    bem legal o enredo e a capa, não é meu gênero favorito mas acho que arriscaria a leitura se tivesse oportunidade, gosto dessa tensão toda e sua resenha ficou muito boa

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Nuccia!! Que livro! Sou super fã do gênero e fiquei de boca aberta com esse! Sua resenha me deixou extremamente curiosa para conferir esse enredo!!! Ameeeei. Não estou podendo $adquirir$ o livro no momento, mas com certeza está nos desejados!
    Beijoooos
    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Depois dessa resenha animada fica impossível não querer o livro.
    A edição dele está linda e isso acaba chamando a atenção do leitor. Aprendi a gostar de nacionais e claro que já quero ler esse :)
    bjs, bjs

    ResponderExcluir
  10. Menina, fiquei super interessada na obra...parece ser bem empolgante. Adorei a capa também :)

    Adoro nacionais e não conhecia esse. vou anotar a dica aqui.

    Super beijo

    ResponderExcluir
  11. Oi Nu, sua linda, tudo bem?
    Mas que empolgação!!! Eu sou muito curiosa e cresci lendo livros de suspense/policias, além de ver séries do gênero. Já viu que sou fã, risos... Então, quando abro o liro já estou criando minhas teorias e adoro quando sou enganada pela autora e não consigo descobrir o culpado. Além disso, esse livro tem um casal que eu acho que é a minha cara, Will e Clarissa, adoro quando eles vivem brigando, quando sai faíscas entre eles. Não conhecia esse livro, mas agora, depois dessa resenha, impossível resistir!!! Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Realmente, li poucos nacionais policiais, e acho que por falta de oportunidade, pois devem ter muitos. O enredo do livro me fez lembrar um pouco de Castle e CSI. Eu não curti a capa do livro, mas o enredo parece ser muito bom, isso me cativou.

    ResponderExcluir
  13. Oi Nuccia, tudo bem?
    Eu também nunca li nenhum bom policial, o que chegou mais perto, (não sei nem o que caracterizar ser) é Eu Vejo Kate, um livro de serial killers, suspense muito bom de ler. Recomendo bastante para você, acredito que irá amar.

    ResponderExcluir
  14. Olá!

    Adorei a trama do livro! Esse gênero me cativa muito! Irei pesquisar mais sobre o livro.

    Obrigada pela dica!

    Beijos, Kamila
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
  15. Hello! Tudo bem?
    Adoro romance policial, sempre gostei. Até prefiro do que romance agua com açucar.
    Amo uma aventura haha..
    Nao conhecia o livro Um Encontro Fatal e fiquei curiosa demais com tudo.
    E essa capa linda? Amei demais a arte.
    Personagens femininos fortes sempre sao as minhas preferidas.
    Vou ler com certeza.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  16. Olá,
    Também gosto de livros policiais e te entendo quanto a ser difícil achar algo bom nacional, é realmente difícil. Fico feliz que tenha algo assim que parece ser bem bom. Se eu tiver a chance com certeza lerei.

    http://euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
  17. Olá, tudo bem? Adorei a resenha, o livro parece ser muito bom, mas não é um gênero que eu costume ler, quem sabe mais pra frente kkk Valeu a dica!

    ResponderExcluir
  18. Obrigada a todos os leitores!
    Dicas anotadas! E espero que quem for atrás do livro curta muito a leitura! Vale a pena mesmo!!! beijos!

    ResponderExcluir

Seja legal: aumente nosso ego deixando seu comentário!
Mas, ei! Cuidado aí! Sem comentários ofensivos!
Um imenso obrigado de todos nós!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...