menu

Sorteios

segunda-feira, 4 de abril de 2016

26 Resenha [livro] - Mudanças

Olá, nucciamigos!

Não é todo dia que você pode escrever sobre um livro que te agrada. E olha que eu sou difícil de ser agradada com romances, hein...!

Portanto, sem mais delongas, trago hoje a vocês uma nova resenha muito especial. É de uma autora parceira que é mais do que parceira pura e simplesmente: é uma amiga querida!

Hoje, iniciando a primeira semana do mês de abril, vamos resenhar o primeiro livro escrito e publicado na carreira da autora L. L. Alves: o romance juvenil Mudanças.

Mudanças
Editora: Modo
Ano: 2014
Edição: 1ª
O primeiro livro da autora.


*Obra cedida pela autora no formato FÍSICO para resenha referente a parceria 2016. 
As opiniões são exclusivamente nossas.
Não houve nenhum tipo de intervenção em nossos comentários.*

Sinopse:
O que esperar das férias: apenas sorrisos e felicidade? Não é bem isso que acontece na vida de Verônica. Em meio a corações despedaçados e crises de “aborrecência”, Verônica encontra Carlos, um rapaz misterioso e disposto a defendê-la. Mas será que é o acaso que os une? Decisões do passado podem trazer mudanças para o futuro? Ela precisará lidar com suas próprias ações e deverá aprender o verdadeiro valor da amizade, do amor e da confiança. Verônica não será mais a mesma, mas será ela capaz de compreender que mudanças fazem parte da vida?



Como eu disse, é bem difícil um livro do gênero romance me agradar. Isso ocorre por eu ter uma tendência racionalista: sou uma pessoa prática, analista e deixo meus sentimentos extravasarem pouco (mas também, quando acontece, sai de baixo!)...



Esse livro não só foi bem escrito e preparado, como agrada o leitor sem esforço. Foi uma resenha bem gostosa de escrever. É belo e apresenta uma maturidade de escrita bem marcante, especialmente por se tratar de uma personagem com maturidade quase zero.

Mudanças conta a história de Verônica, uma adolescente de 15-16 anos, moradora de uma cidade no litoral paulista, que acabou de passar pela humilhação da separação pública com seu namorado da escola.

Foi humilhante por ter sido plena tarde, no meio da rua. Por  ter sido 'pisada' com uma traição escandalosa, e com palavras de escárnio. Por ter reagido com uma bofetada no rapaz, por quase ter sido agredida fisicamente em retorno. Se não fosse a presença de um outro adolescente lindo e misterioso de olhos cativantes, a situação teria sido muito pior.


Buscando, passo a passo, crescer e compreender-se no mundo, Verônica lida com a intransigência disciplinar da mãe, o quase infarto do pai, as tiradas especiais e únicas do irmão mais novo e com o mistério em torno do rapaz do parque, que, posteriormente, ela descobre se chamar Carlos.

Uma atração inevitável surge, porém Carlos é relutante e se recusa a ficar com Verônica enquanto ela não entender como precisa mudar, evoluir como pessoa. Fica subentendido que Carlos conhece Verônica há muito tempo, por isso sabe o quanto e porque ela precisa mudar. Enquanto isso, eles tentam ser amigos, o que não funciona todos os dias por causa da própria teimosia e intransigência (tão turrona quanto a mãe) da garota.


Até o momento em que há uma reviravolta meio macabra e Verônica, agora em perigo, precisa mudar na marra. Caso contrário pode perder sua família e o novo amor.

Falar sobre os personagens do livro é até simples. A protagonista é jovem, tem pouca maturidade, o que é até normal para uma adolescente, mas ela exagera. Dramática e vitimista, está sempre achando que tudo dá errado por causa dela. Chegava a ser irritante! E suponho que a intenção da autora tenha sido justamente essa, então deu tudo certo. Além disso, Verônica só tem paciência para falar com as pessoas mais íntimas do seu círculo de amizades, o que se resume ao irmão mais novo e à uma amiga mais velha, que acabou de ficar noiva. O resto do mundo? Sarcasmo e grosseria.


Carlos é o cara legal. Ele é bonito, engraçado, bacana, sabe ouvir e com a graça da Deusa tem muita paciência com Verônica. Até quando fica p... com a garota, ele respira fundo e suporta bem. Aplausos! Mas ele não foi sempre assim, teve de aprender a mudar.

Os personagens secundários também foram bem construídos, bem definidos, de personalidades marcantes e cada um tem seu papel na história. Não vi nenhum personagem tivesse sido apresentado e ignorado.

Passemos à parte técnica. A capa de Mudanças traz todo o tom do livro. É uma foto que tem as mãos entrelaçadas de um casal, ele com casaco branco, ela com uma blusa de manga 7/8 listrada em lilás e rosa. Ao fundo, de cor cinza predominante, temos luzes desfocadas (talvez faróis de carro), dando a impressão de que o casal está na rua. O título é centralizado, em fonte script em um rosa escuro, tendendo ao bordô. Duas orelhas em um tom mais escuro de lilás, contêm uma sinopse reduzida e a biografia da autora.


A diagramação interna do livro é a coisa mais linda da face da Terra! Os capítulos foram numerados e nomeados como se fossem passos a serem ou já cumpridos. Cada início de capítulo se dá na página à direita, com fontes grandes, bem destacados e com lindas imagens associadas. Cada página em branco é preenchida com desenhos de borboletas em tons de cinza, simbolizando a transformação da personagem principal.


Fonte do texto é em ótimo tamanho, margens justificadas, diálogos bem demarcados. O livro todo é um primor! E você se pergunta se estou escondendo algum erro... E eu digo que tem uns errinhos de digitação sim, mas foram mínimos, tão poucos que nem me dei ao trabalho de contabilizar.

Minha opinião final não poderia ser outra: óbvio que recomendo! Se você gosta de romances, de livros juvenis, de se distrair com uma leitura leve e ao mesmo tempo sofisticada, você vai adorar. É ótimo para aquele dia em que você deseja relaxar e se distrair. É ótimo para você que deseja entender de mudanças pessoais. 

Como disse antes, apesar de ser um livro sobre jovens, para jovens, foi escrito com uma maturidade perceptível, de tal forma que nos afeta mesmo após... não, eu não vou dizer a minha idade! Há! ;)


O livro nas redes:

 


Sobre a autora:

BIOGRAFIA

L. L. Alves é o nome artístico de Luene Langhammer Alves. Lu (intimidade é para os fracos, somos parceiras!) é formada em Letras – Língua e Literaturas Inglesa pela Universidade Federal de Santa Catarina. Completamente apaixonada pelo mundo das letras, mescla seus dias entre leituras e escritas. Ao todo, já escreveu mais de dez livros e diversos contos, variando entre fantasia, romance, sobrenatural e chick-lit. Começou a ter gosto pela leitura ao ler a famosa série Harry Potter e nunca mais parou de ser sugada pelos livros. Foi aos 13 anos de idade que concluiu seu primeiro romance, Mudanças, e descobriu que escrever era o que queria fazer pelo resto da vida. Em 2010, ficou deslumbrada com a ideia de uma saga, e de um sonho inusitado surgiu Instituição para Jovens Prodígios, uma série de quatro volumes que atualmente está sendo publicada pela plataforma Amazon. A autora está sempre com novos projetos, seja sua primeira trilogia ambientada em um novo universo, romances únicos ou contos. L. L. Alves pretende continuar escrevendo cada vez mais livros, intrigando o mundo com seus mistérios e fantasia, e nunca deixando a vontade de chegar à última página passar.



PROMOÇÕES ATIVAS:


 

,


Esse livro faz parte do Desafio Literário 60 Livros em 1 ano, organizado pelo Blog Livros & Tal, como minha leitura #10de60 e como desafio do mês de abril: leitura de Livro Nacional.


Foi um dos romances juvenis mais maduros que li...!

Parabéns, Lu, arrasando como sempre! Obrigada por me permitir ler mais um sucesso seu. Continue arrasando! Partiu ler IJP!

E, vocês, leitores? Gostaram? Deixem sua opinião!

Boa leitura!

Até + ver!


26 comentários:

  1. Caramba que resenha!
    Eu amo a escrita da Lu, esse é um dos poucos livros dela que ainda não li por falta de vergonha na cara, mas depois de tu que é mega exigente pra romance curtiu, só me resta ler em breve para me redimir.
    Beijos Nu parabéns pela resenha lacradora!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como assim você ainda não leu esse livro????
      É muita falta de vergonha na cara! Vai lá ler agora! Já!

      Excluir
  2. Amei a resenha! O livro parece ter uma narrativa super fluída e a autora aparenta escrever e descrever muito bem. Percebe-se que a diagramação do livro é super delicada e bonita, adorei! Fiquei bem curioso por essa leitura deliciosa. Abraços :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Lu é um arraso de pessoa! Já li seu chick-lit e agora seu romance juvenil. Não vejo a hora de começar a série fantástica! XD bjs!

      Excluir
  3. Gosto muito de livros juvenis, adoro essas narrativas leves para intercalar com coisas mais pesadas. Mas teve algo que você disse que me fez ficar com os dois pés atrás: que tem uma reviravolta meio macabra. Falou em macabro, eu corro... rs... Mesmo assim ainda fiquei um pouco curiosa, vou procurar mais resenhas a respeito para ver se chego a alguma conclusão.

    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah!... mas o macabra não é de terror!!!... É macabro pra personagem! Ela vive um momento um tanto louco, mas sabe lidar com ele muito bem! É por causa dele que ela amadurece!... Leia!!!! Juro que você vai amar!

      Excluir
  4. Nu!
    Confesso que amo romances, entretanto, os romances juvenis me cansaram já há algum tempo.
    Mas, ler sua resenha de um livro tão bem escrito e diferente, mesmo dentro do tema, me deixou be curiosa pela leitura.
    “A simplicidade é o último degrau da sabedoria.” (Khalil Gibran)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista especial de aniversário em abril: com 6 livros 5 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma leitura bem leve mesmo, Rud! Você vai gostar!

      Excluir
  5. Oiee, tudo bem?

    Vi esse livro sendo lançado e fiquei louca pela capa, mas por uma ironia do destino não consegui lê-lo até hoje. Li uma resenha em que a leitora destacava algumas coisas que a incomodaram durante a sua leitura, em contra partida a sua está bem positiva. Fiquei no meio termo, mas se tiver a oportunidade o lerei sim para saber o que irei achar, gosto de tirar a prova dos nove eu mesmo.ótima resenha, muito bem construída.

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. È o que disse, Si... se gosta de romance, vc vai gostar, se espera algo mais impactante, aí a leitura n serve. É leve, tranquila, sem amor platônico, com personagem bem imatura e teimosa, mas que amadurece ao longo da história. Tente!!

      Excluir
  6. Nu! Linda sua resenha! Eu li o livro da Lu e fiquei encantada com a delicadeza como a história foi contada. A diagramação está a coisa mais linda do mundo!Foi o primeiro livro que li da Lu e virei fã dela, beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso! a história é delicada!!! Achei a palavra que queria! <3
      Melhor diagramação ever!!

      Excluir
  7. Oi Nu, tudo bem?
    Mas é claro que adorei a sua resenha e a forma como você descreveu foi bem legal, porque eu meio que tinha um pé atrás com este enredo e não sei porque, mas isso desencantou... eu gosto de ler histórias de adolescentes que evoluem de uma maneira positiva enchendo os nossos olhos... e sua resenha mostrou isso... Xero!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A história é bem essa mesmo, Di!, amadurecimento aos poucos e de forma que a pp personagem descobre sozinha. Junte isso a uma narrativa belíssima e temos um bom livro!

      Excluir
  8. Oi Nuccia! Faz tempo que to querendo comprar esse livro, pq todo mundo fala bem haha. Mas pra falar a vdd, nao sabia bem do que se tratava. To sabendo agora rs. Quero saber que virada macabra é essa haha e que garoto misterioso é esse tbm rs. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah eu e meu linguajar de livros de terror... Eu digo macabra e povo tá achando que tem fantasma! Não!! É macabra justamente pq parte de um ser humano com cabeça funcionando bem, mas nem um pouco centrado ou maduro... Ah, só lendo! Recomendo mesmo!

      Excluir
  9. Oi, Nu
    Nunca li nada dessa autora, tenho curiosidade de conhecer. Sempre vejo bons comentários e espero ler algo muito em breve.
    Eu sou ao contrário de você, amooo um romance e quanto mais meloso, melhor rsrs
    E quem será esse garoto misterioso hein? rsrs que situação chata ela passou na frente de todo mundo, muito chato.
    beijos e parabéns pela resenha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, se você gosta desse monte de açúcar, pega esse livro! Vai adorar!!! Tb achei muito chato acontecer no meio da rua, mas tem homem q é assim, precisa de plateia...

      Excluir
  10. Uau!!! Alguém desconfia que a Nu tenha gostado do livro? kkk
    Achei a história uma delícia, pelo que você apresentou. Eu não sou a pessoa mais fã de romance da face da Terra, mas de vez em quando acho bom para relaxar e ver uma personagem crescer e amadurecer é algo que sempre acho interessante.
    Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi exatamente isso, Nana! Eu tb n sou fã de romances, mas de vez em quando pego p dar uma relaxada e quando eles são bons, agrada td mundo! XD
      Tentarei me conter na próxima! rsrsrs

      Excluir
  11. Ohhh, depois dessa resenha só me resta ler o livro rsrs. Eu já tenho um crush antigo em Mudanças, mas confesso que a resenha me deixou ainda mais animada com a leitura. Então, bora subir o bonitinho na minha minha lista de próximas leituras,né rs.
    Parabéns NU, to só sobe no meu conceito rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha... Eu gamei no Carlos, santa paciência a dele!... rsrs
      Leia mesmo, Jenny!

      Excluir
  12. Eu amei a resenha.
    Já tinha ouvido falar do livro, por algumas fan Page que curto no Facebook, e desde o primeiro momento me apaixonei pelo livro, a estória parece ser boa, a trama bem desenvolvida.
    Achei a personagem principal um pouco fútil, mas como adolescente isso é compreensível.
    O personagem principal deu a impressão de ser mais maduro, e isso me agradou.
    Por que ninguém merece suas bombas de hormônios em um romance.
    Pretendo em breve garantir o meu exemplar.
    Boa Noite.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah que lindo, Marlene! Garanto q vc n vai se arrepender! Sim, no dá uma vontade louca de socar a protagonista, mas ela aprende a se desenvolver emocionalmente... Ele é um pouquinho mais maduro pq passou recentemente por essa fase... O livro explica! ;)

      Excluir
  13. Nuuu, sua linda!!! Muito muito muito obrigada por essa resenha tão doce e incrível! Já disse e repito: você arrasa, mulher! Desculpe a demora em comentar, mas imagina a correria né? kkk

    Obrigada por todo o carinho, flor <3 Beijoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagino nada! Sei exatamente como é! Relaxa!!!!
      Obriga a você pela oportunidade de ler um romance tão bacana e bem escrito!
      um beijo, Lu!

      Excluir

Seja legal: aumente nosso ego deixando seu comentário!
Mas, ei! Cuidado aí! Sem comentários ofensivos!
Um imenso obrigado de todos nós!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...