menu

Sorteios

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

2 Resenha [livro] - No seu Olhar, de Nicholas Sparks

Rélou, pipou!

Como sempre, meu objetivo é não dar spoiler para você que tem a intenção de ler.

Primeiro quero falar do autor, ainda estou indecisa se amo ou odeio os livros Nicholas Sparks... já que tem livros que quero encher ele de beijinhos pela linda história e outros quero simplesmente jogar o livro pela janela (mentira, jamais jogaria meus bebês, mas você entendeu o sentimento) por ter dado um fim totalmente trágico ao livro. 

Mas vamos ver o que te aguarda nesse livro!!!

NO SEU OLHAR
LANÇAMENTO: 15/04/2016
TÍTULO ORIGINAL: SEE ME
TRADUÇÃO: ALVES CALADO
NÚMERO DE PÁGINAS: 432
Editora Arqueiro

*Livro do acervo pessoal do(a) blogueiro(a)*

Sinopse:
Filha de imigrantes mexicanos, Maria Sanchez é uma advogada inteligente, bonita e bem-sucedida que aprendeu cedo o valor do trabalho duro e de uma rotina regrada. Porém um trauma a faz questionar tudo em que acreditava e voltar para sua cidade natal, a pequena Wilmington.
A cidade também é o lugar que Colin Hancock escolheu para se dar uma segunda chance. Apesar de jovem, ele sofreu mais violência e abandono do que a maioria das pessoas. Também cometeu sua parcela de erro e magoou mais gente do que gostaria. Agora está determinado a mudar de vida, tornar-se professor e dar às crianças o carinho e a atenção que ele próprio não teve.
Colin e Maria não foram feitos um para o outro, mas um encontro casual durante uma tempestade mudará o rumo de suas histórias. Ao confrontar as diferenças entre os dois, eles questionarão as próprias convicções. E ao enxergar além das aparências, redescobrirão a capacidade de amar.
Porém, nessa frágil busca por um recomeço, o relacionamento deles é ameaçado por uma série de incidentes suspeitos que reaviva antigos sofrimentos. E quando um perigo real começa a se impor, Colin e Maria precisam lutar para que o amor sobreviva.
Com uma trama madura e repleta de emoções e de suspense, No seu olhar mostra que o amor às vezes é forjado em crises que ameaçam nos destruir e que o primeiro passo para a felicidade é acreditar em quem podemos ser.



Gente esse livro mexeu comigo... quantas vezes julgamos as pessoas pelo seu comportamento, pelo jeito de vestir, se tem tatuagens ou cara de nerd e etc? Nesse livro você vai ler sobre amizade, amor, força de vontade, justiça.

Pois bem, Colin é assim, julgado por todos... tem tatuagens, cara de mal, forte, lutador de MMA e trabalha como barman, o tipo de cara que os pais não querem suas filhas envolvidas. Certo? Certo! Teve um passado cheio de encrencas com a família por sofrer de TDAH, com o passar do tempo as encrencas ficaram maiores e envolvendo a polícia, várias prisões e por fim uma nova chance.

“Você está com medo de mim – repetiu ele. Como ela não disse nada, Colin continuou: - Você não tem motivos para acreditar em mim, mas eu não vou machucar você”.

Já Maria, a nossa mocinha, tem uma família muito unida, e uma irmã doidinha de pedra que é a Serena. Gostei muito da Serena, ela é leve, divertida... o contrário da Maria, que é retraída e não quer se envolver com ninguém.

“Sei que sou adulta e deveria ser capaz de sair com quem eu quiser, sem me importar com o que pensam. Mas me importo. Porque ainda quero a aprovação deles. E, acredite, sei como isso parece medonho”.

Nessa nova fase da vida de Colin, temos duas torcidas: a que torce para que tudo dê certo para ele e o Detetive Margolis vontade de socar esse cara, que fará de tudo para ver Colin atrás das grades, sempre à espreita, só esperando um deslize do bonitão.

Mas Colin tem a ajuda da dupla dinâmica, Evan e sua noiva Lily, que são seus melhores amigos. Gente pensa em um casal show de bola, que está ao lado de Colin para o que der e vier! É muito gostoso ver como eles apoiam Colin.

O fato é que quando Maria e Colin se envolvem, coisas estranhas começam a acontecer com Maria. Ela começa a ser ameaçada, perseguida. Colin decide descobrir quem está fazendo isso com sua amada, mas ele tem que se cuidar e não perder a cabeça, pois Margolis está sempre rondando, esperando o momento de algemá-lo.

Achei o livro muito dinâmico, acontecem milhões de coisas ao mesmo tempo, cheio de reviravoltas e temos muitos personagens envolvidos na trama: os pais da Maria; Barney e Ken (chefes da Maria); Jill (colega de trabalho de Maria); primos e tios da Maria, que aparecem algumas vezes na história; Lester e Avery. Porém é uma leitura totalmente diferente dos outros livros do Sparks.

Acho que podemos classificar esse livro como romance policial ou romance/drama. Mas não podemos esquecer quem escreveu essa belezura, e tio Nicholas não brinca em serviço quando o assunto é nos contrariar. E eu amei o Colin... acho que ele entrará para a lista dos meus personagens preferidos. Certo!

“Sentado diante de Maria, Colin teve a sensação de que vivia a existência abençoada de outra pessoa, alguém merecedor. No fim do jantar, depois de todos os pratos terem sidos retirados, as taças de vinho esvaziadas e as velas estarem se apagando, percebeu que havia passado a vida inteira procurando por aquela mulher”.


Considerações finais:
O livro é narrado em terceira pessoa, mas sempre alternando entre a visão da Maria e do Colin.

A revisão é ótima, encontrei pouquíssimos erros de português, e tem uma frase que está trocado o nome dos personagens (se você prestar atenção irá conseguir se situar).

Achei que a capa não tem muito a ver com o título. A diagramação é muito boa.

Se você curte um romance, drama, aventura, frio na barriga e tudo mais... sim, você precisa ler esse livro.

Beijokas e nos vemos em breve!


Lucy Santos

Adoro viver em Sampa, sou graduanda em Letras, escritora pelo Wattpad, amo meu marido, meus filhos, minha cãopanheira, amo a vida, tocar piano. Meu vício são os livros, sou simplesmente apaixonada pelo mundo da leitura. Sou teimosa, ciumenta, e mais um monte de coisinhas.






*SORTEIO ATIVO*
(clique na imagem para ser direcionado)


2 comentários:

  1. Olá, tudo bem?
    Tenho que dizer que sou fã do Nicholas Sparks desde a adolescência.
    Geralmente quando leio um livro não me interesso pelo filme, ou sempre acho que o livro é 1 milhão de vezes melhor que o livro...Com ele não, adoro os livros e amo os filmes. Esse ainda não li, mas pretendo em breve ler algo dele novamente...

    Beijos
    Fran
    Achei e Rabisquei

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fran, que bom você por aqui de novo! :)
      Leia esse que você não vai se arrepender. Eu amo os livros do Nicholas, só que tem vezes que fico com raiva do final ahahaha. Eu também amo os filmes, acho que eles ficam bem coerentes com o livro. Espero que eles façam o filme desse livro, ia ficar show.

      Beijokas.

      Excluir

Seja legal: aumente nosso ego deixando seu comentário!
Mas, ei! Cuidado aí! Sem comentários ofensivos!
Um imenso obrigado de todos nós!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...