menu

Destaques

terça-feira, 28 de março de 2017

6 Resenha [filme] - Logan

Olá, leitores!

Eu disse na semana passada que fui ao cinema com a irmã e assisti duas sessões sequenciais. Pois é! Entrei na sala para ver Logan e 2 horas depois saí correndo pelo shopping para alcançar a outra sala e ver A Bela e a Fera, já resenhado aqui.

Vamos à resenha do filme? Logan é o último filme da trilogia/franquia que narra a vida de Wolverine, o mais charmoso e irônico X-Men.

Logan
Logan, 2017
Ação, ficção científica, fantasia, HQ
138 min

Sinopse:
Em 2029, os mutantes estão em declínio e as pessoas não sabem o motivo. Logan (Hugh Jackman) ganha a vida como chofer de limousine para cuidar do nonagenário Charles Xavier (Patrick Stewart). Debilitado fisicamente e esgotado emocionalmente, ele é procurado por Gabriela (Elizabeth Rodriguez), uma mexicana que precisa da ajuda do ex-X-Men para defender a pequena Laura Kinney / X-23 (Dafne Keen). Ao mesmo tempo em que se recusa a voltar à ativa, Logan é perseguido pelo mercenário Donald Pierce (Boyd Holbrook), interessado na menina.



Estamos em um futuro não muito distante. Vários dos nossos X-Men preferidos já faleceram. Aliás, as mutações tornaram-se algo raro em 2029. Logan é um dos poucos que continuam razoavelmente de pé, e ele faz uma questão enorme de se esconder o máximo que pode.

Não sem motivos... Ele trabalha como chofer, mesmo estando bêbado a maior parte do dia, para conseguir os remédios que aliviam as convulsões do nonagenário Charles Xavier, o Professor X, em sua pior fase na vida.


Os dias passavam assim, nesse marasmo semi-tenso, até ele ser procurado pela mexicana Gabriela como a possível salvação de Laura Kinney, também conhecida como X-23. O que Logan não entende de primeira é: porque salvar Laura é tão importante?

Bem... isso até a garota mostrar suas garras, tipo, literalmente! Ela precisa chegar ao Éden, um local seguro para mutantes, após se juntar aos demais amigos, todos crianças e adolescentes criados em laboratório e fugitivos do vilão Dr. Rice.

Parei a história do filme aqui, spoilers não passarão. Vou dar uma geral na adaptação: ao pesquisar para escrever a resenha, descobri que o filme é baseado nos quadrinhos "Velho Logan", em cuja história original a X-23 não existia. 


Também descobri que não segue exatamente a linha temporal de todos os filmes anteriores da franquia X-Men ou os filmes solos de Wolverine. Logan, muito além dos grandes efeitos que estes filmes costumam ter, encerra com maestria a história de Wolverine que se estendeu por 17 anos (9 filmes!!)!

Nesse filme, finalmente conseguimos perceber o quanto Logan está quebrado. Física e emocionalmente. Solitário, sem motivação para viver. Depois de tantos anos sendo o imbatível X-Men, agora está debilitado e morrendo. 

Quando surge o enigma de Gabriela e Laura, tudo que ele deseja é não se meter. Mas, né... ao ver Laura como uma réplica feminina sua, com um esqueleto de adamantium e uma ferocidade tão potente quanto a sua própria, há um fascínio que não pôde ser ignorado.


Muito além do herói, vamos conhecer o homem, sua psique, o que ele pensa, como age, o que aconteceu e ainda acontece para que ele se sinta assim, tão perdido em si mesmo. Todos os seus amigos se foram. Seus amores também. O que lhe restou? Laura, sem se esforçar, alcança seu coração. E por ela, ele vai lutar até o fim. Vamos nos enternecer e até mesmo aplaudir o belíssimo final para sua história.

O filme marca também a última aparição do personagem Charles Xavier. Já no auge de sua vida, lutando contra convulsões cerebrais que colocam em risco todos ao seu redor, o eterno Professor X se despede fazendo o que nasceu para fazer: encontrar mutantes.

Hugh Jackman, que foi um dos melhores atores em toda a franquia, se despede (acho que para sempre) do personagem que embalou nossos X-corações. Você sente a dor do personagem emanando das falas e das posturas de Jackman. Ele encarna o personagem como nunca e o faz como ninguém.

Tão espetacular quanto a atuação do lindo e gosto Hugh, foi a da pequena Dafne Keen. Ela nasceu para ser a X-23! A garra, a fibra, a desconfiança, a raiva, a luta. Uma Wolverine perfeita no auge de seus 12-13 anos! Ba-bei!


Aqueles fãs fanáticos dos quadrinhos poderão se aborrecer com o filme por conta das modificações da adaptação. Mas quem não se incomoda muito com isso ou aqueles que são fãs da franquia cinematográfica vão se deliciar. 

Saímos tristes do cinema, mas saímos com sensação de vitória inabalável.

Quer saber mais? Leia a crítica do site AdoroCinema!



Elenco Principal

Logan - Hugh Jackman, da franquia X-Men

Charles Xavier - Patrick Stewart, da franquia X-Men

Laura Kinney / X-23 - Dafne Keen, de The Refugees

Gabriela López - Elizabeth Rodriguez, de Orange is The New Black

Caliban - Stephen Merchant, diretor de The Office

Donald Pierce - Boyd Holbrook, de Narcos

Dr. Zander Rice - Richard E. Grant, de Sujos e Sábios



Sei que a resenha chegou um pouquinho tarde, mas o filme ainda está em cartaz, aproveitem!

Espero poder continuar indo a estreias e trazendo a minha opinião aqui pra vocês!

Bem, se eu não fizer, temos nossos lindos e amados colaboradores! ;)

Bom filme! Até + ver!






Nuccia De Cicco é bióloga, Doutora em Bioquímica, escritora, poetisa, bailarina e blogueira. Carioca de paixão de Santa Teresa, é apaixonada por livros, seriados, tatuagens e lambidas caninas, além de ter uma queda saudável por cafajestes. Surda desde os 27 anos, é co-autora em nove antologias e publicou o livro “Pérolas da minha surdez”, uma obra sobre luta e força de vontade. Todas as suas facetas são mostradas no blog “As 1001 Nuccias”. Nele, a literatura impera!



6 comentários:

  1. Olá, tudo bem?
    Amei a resenha! Fui assistir o filme sem muitas expectativas, e apesar de não ter acompanhado os anteriores, eu adorei. O final foi triste, mas lindo também.
    Beijos!

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?
    Eu amei/odiei muito esse filme, não vou nem mencionar o final que me deixou igual á um lindo panda no cinema :(
    Amei a sua resenha Nu!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  3. Olá, Nu!
    Wolverine irá deixar muitas saudades. Não sou muito fã, mas sempre acompanhei os filmes.
    Quero assistir Logan para saber como foi esse final, com certeza foi impactante.
    Gostei de saber que exploram mais a respeito de como o personagem se sente!

    ResponderExcluir
  4. Hahaha... Imaginei a cena de correr pelo shopping pra chegar na outra sala! Sou alucinada pelo Wolverine, mas infelizmente ainda não consegui ver esse filme. Nunca li os quadrinhos, acompanho só os filmes mesmo, então acho que vou amar. Mas só de pensar que terminou me dá um aperto no coração, tenho certeza que vou chorar no cinema porque só de ler sua opinião já quase chorei... O Hugh é maravilhoso mesmo, sei que vou sofrer com ele.

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Não vi muitos filmes dessa franquia, mas os que vi gostei muito, ainda mais por causa do Hugh, que foi fantástico na atuação. É um filme que pretendo ver logo.

    ResponderExcluir
  6. Oi Nu, sua linda, tudo bem?
    Nossa, você me deixou com água nos olhos, fiquei emocionada ao saber que é o fim. E também de ver a dor do personagem. Ele é e sempre será o meu favorito, sou Wolverine para sempre!!! Nunca li os quadrinhos, mas acompanho os filmes tenho certeza de que esse será um desfecho merecido, embora triste.
    Sua crítica do filme ficou ótima!!!!
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir

Seja legal: aumente nosso ego deixando seu comentário!
Mas, ei! Cuidado aí! Sem comentários ofensivos!
Um imenso obrigado de todos nós!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...