menu

Sorteios

sexta-feira, 31 de março de 2017

13 Resenha [livro] - O ceifador de anjos, de Juliete V. Simões

Sejam bem-vindos a mais uma sexta-feira nacional!

Licença médica é uma coisa legal, né não? Dias e dias sem poder fazer exercício, sem poder trabalhar, só lendo e vendo TV... Pena que também não conseguia comer...

Mas bem, já estou de volta ao trabalho braçal há 1 semana, novamente na pista pra negócio. Só que eu li pra caramba e trarei as leituras que fiz nesses dias aos poucos.

Vamos a mais uma resenha de livro nacional? Vem comigo para conhecer o thriller O Ceifador de Anjos, escrito pela nossa parceira Juliete Vasconcelos Simões e publicado na Amazon!


O ceifador de anjos
Coleção O ceifador de anjos - vol. 1
Autora: Juliete Vasconcelos Simões
Editora: Amazon / Wattpad
Gênero: suspense policial / thriller
Ano: 2016
269 p.


*Obra cedida pela autora no formato digital para resenha referente a parceria 2016/2017. 
As opiniões são exclusivamente nossas. Não houve nenhum tipo de intervenção em nossos comentários.*

Sinopse:
Por trás da máscara de homem perfeito, se esconde um colecionador de fetos, um serial killer que deixa um rastro de sangue, dor e morte por onde passa, sem deixar pistas para os detetives Christopher e Ramona, que há muito estão em seu encalço. Vincent é o CEIFADOR DE ANJOS.




Em quem você confia? Em quantas pessoas você confia plenamente, realmente, a ponto de achar que salvaria sua vida? Vai por mim, os segredos são mais fortes, nossos corações são profundos. O maior perigo da sua vida pode estar casado com você.



Em O Ceifador de Anjos, vamos conhecer a vida de várias pessoas totalmente interligadas, a começar pelos detetives Christopher e Ramona, que estão à volta com um assassinato estranho: um acidente provocado, um incêndio forjado e um feto desaparecido. Mas como nada mais apareceu e nenhum outro caso surgiu, tudo foi esquecido.


"Embora já tivessem feito a perícia no local, a primeira equipe não buscava nada de diferente, somente documentar uma triste tragédia, mas agora sabiam que precisavam ser mais detalhistas. Buscavam por qualquer coisa: sangue pelas proximidades, qualquer sinal de que esteve ali mais alguém e também um feto."

Também conhecemos a doce e ingênua Donna Dixon, uma professora de história que foi foi praticamente criada pelo irmão mais velho após falecimento dos pais. Trabalhando em um colégio particular e lutando para ser contratada em uma universidade, namora Vincent, o rapaz mais romântico da face da terra, e tem Adelle Mercer, uma advogada sexy e independente como melhor amiga.


Enquanto a vida de Donna caminha para o mar de felicidade, a dos detetives piora: o caso esquecido do feto levado em um acidente parece se tratar de um serial killer. Um que soube camuflar seus primeiros assassinatos, um que ninguém esperava existir, um que apenas ataca e mata mulheres grávidas por volta do 5º mês de gestação: um colecionador de fetos.

Quando a autora nos apresenta Vincent Hughes, estamos vendo só um namorado, mais um cara legal que trabalha em um hospital como farmacêutico, chefe do laboratório de testes de medicamentos, super dedicado e carinhoso e que planeja pedir Donna em casamento. Mas Vincent tem segredos. Quando descobre por seu chefe que a filha de um dos assistentes está grávida, ele apresenta um interesse leve, que cresce e se torna urgente, que se transforma em necessidade até ter o que deseja consigo. E ele consegue.

"Atravessou o saguão do prédio apressado, mas sem deixar de cumprimentar os que passavam por ele, não importava se eram doutores renomados ou faxineiros, demonstrava a mesma simpatia e educação, o que fazia sua presença ser sempre agradável a todos."

Aos poucos, vemos a evolução dessa trama. Mas personagens surgem, e estão conectados de uma forma muito bem feita. Cada mulher grávida que aparece perto de Vincent ou que ele toma conhecimento acaba por falecer nas mãos do Ceifador de Anjos. O que leva Vincent a ter tal psicopatia? Como Donna reagirá ao saber que se casou com um colecionador de fetos?

Sobre a edição: e-books possuem uma edição padrão, não diferem muito entre si. Esta não foge a isto. Fontes em bom tamanho, margens justificadas, parágrafos bem definidos, linhas de tempo narrativo separados por uma imagem. A única coisa chata foi a revisão que falhou na pontuação. Muitos vocativos ficaram sem vírgulas.

A capa é uma das mais simples do mercado, com aspecto sombrio o que combina com o enredo. Descrição #pracegover: são duas imagens sobrepostas, sendo a do fundo uma fotografia em tons de cinza de uma mulher grávida em perfil, tendo uma das mãos sobre sua barriga. A segunda imagem é parte de uma face, um rosto masculino e muio sério, em tom mais claro. O título do livro está na parte inferior em fontes brancas sobre uma rosa vermelha; a letra I, de ceifador, foi substituída por um bisturi.

Minha opinião: a autora conseguiu criar um bom thriller de suspense, intrigante e tenso. Os personagens são bem construídos, apresentados aos poucos, a vida deles e a ligação entre todos é elaborada ao longo de anos de acontecimentos. As passagens do tempo são bem feitas e a escrita está bem clara.


Narrado em terceira pessoa, variando o ponto de vista, não nos perdemos nessa narrativa, nem sequer tropeçamos. É uma leitura muito fluida, em que nos conectamos aos personagens, ao mesmo tempo em que queremos chacoalhá-los.

Donna é ingênua demais! Mas isso faz parte da personalidade dela. Depois descobrimos que, além de calma e ingênua, é forte, é obstinada, especialmente nos capítulos finais em que tive vontade de aplaudir suas atitudes. 


"Eu amo ele mais que minha própria vida. E não está faltando nada, só que está tudo tão lindo, tão perfeito. Sabe quando parece bom demais para ser verdade?"

E Vincent? Carismático, equilibrado, perspicaz, dissimulado, controlado, chegando a ser frio quando decidiu colecionar mais um feto que estava com uma pessoa muito conhecida dele. Um típico sociopata, cuja identidade precisa ser mascarada, manter o álibi. Lembrei-me terrivelmente de Dexter.

Estou agora meio ansiosa, querendo ler a continuação, querendo saber o que acontece com Donna, o que levou Vincent a desenvolver / se tornar / nascer a psicopatia e a que ponto andam as investigações.

Então, se você curte um livro nesse estilo, com serial killers, trama intensa, investigação policial, grandes reviravoltas... Esse livro é pra você. Para quem quer se aventurar no gênero, recomendo também, as cenas não são tão massacrantes e com exageros realistas, dá pra ler sem ter ânsias.




Sobre a AUTORA:

Com 26 anos, é casada e tem dois filhos, cujas gestações foram sua real inspiração para escrever a trilogia O Ceifador de Anjos. A autora é apaixonada por livros, filmes e séries policiais, portanto, houve identificação imediata ao começar a escrever o mesmo gênero. Formada em Turismo em 2014, com outros três cursos técnicos nessa mesma área, é também graduanda em Letras e pós-graduanda em Geografia, Meio Ambiente e Sustentabilidade. Desde o início de 2016, mantém-se focada na escrita dos seus livros, que serão publicados em formato físico em 2017.

À Ju, muito obrigada pelo prazer em conhecer seu trabalho! Adorei de verdade e não vejo a hora de ler o volume 2!

Aos leitores, como vocês viram, é uma leitura intensa, de tirar o fôlego!

Antes de ir, vocês já estão participando dos sorteios ativos aqui no blog? Aproveitem!!




Até + ver!





Nuccia De Cicco é bióloga, Doutora em Bioquímica, escritora, poetisa, bailarina e blogueira. Carioca de paixão de Santa Teresa, é apaixonada por livros, seriados, tatuagens e lambidas caninas, além de ter uma queda saudável por cafajestes. Surda desde os 27 anos, é co-autora em nove antologias e publicou o livro “Pérolas da minha surdez”, uma obra sobre luta e força de vontade. Todas as suas facetas são mostradas no blog “As 1001 Nuccias”. Nele, a literatura impera!

13 comentários:

  1. Nuccia, eu simplesmente amei! Sem palavras para agradecer a sua atenção e o seu carinho! A trilogia já está completa, finalizei há pouco o último volume.

    Esse ano será lançado o primeiro volume, o que você gentilmente resenhou, terei muito prazer em te enviar um exemplar e devidamente revisado rsrs

    Quando aos demais livros da trilogia, se quiser, te envio futuramente pelo kindle.

    Mais uma vez, muito obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ju!
      Muito obrigada pelo carinho! Eu percebi que estou muito crítica com pontuação e revisão em geral, tentando melhorar esse lado! Parabéns pelo lançamento do volume físico e muito obrigada! Certamente farei nova avaliação!
      E se quiser manter a parceria, será só alegria! ;)
      Beijão!

      Excluir
    2. Acho super válido as críticas, ainda mais quando nos mostra onde podemos melhorar! Quanto a parceria, com certeza quero renovar! Muito obrigada mesmo.

      Excluir
  2. Olá, Nu.
    Esse é o tipo de livro que eu gosto adoro um suspense policial e um thriller!
    Não conhecia a autora e nem seu livro, mas devo parabeniza-la pela criatividade em criar um serial killer que coleciona fetos!
    No mais, fiquei interessada pela obra!

    ResponderExcluir
  3. Oi Nu, tudo bem???
    Eu acho esta capa horrível para ser bem sincera... tomara que a autora consiga uma publicação física para mudá-la... eu curti demais o enredo deste livro, achei a ideia do colecionador de fetos interessante e assustadora... fico imaginando ele abrindo as mulheres e tirando feto de forma tão fria e sem sentimento algum... a sou doida e viajo na imaginação... é horrível isso, mas tem doido pra tudo... mas eu curti muito ler a sua resenha e saber de sua opinião. Xero!

    ResponderExcluir
  4. Olá tudo bem?
    Gostei muito da premissa do livro e abordar um tema assim realmente é de impressionar. Fiquei chocada com essa história de um colecionador de fetos e quais seriam os métodos que ele usaria para conseguir tais fetos. No mais eu com certeza leria, já até deixei anotado aqui.

    beijinhos!

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem?

    Nossa, colecionador de fetos... o.o
    Achei a temática pesada, mas pelo visto, pelo que você apresentou, foi bem abordado.
    Mulher, como assim, tu á contou quem é o cara? haahha.
    Confesso que em outros tempos eu leria, mas no momento, tudo que envolve bebezinhos de uma forma cruel - o caso - tem me feito fugir. XD Não fosse isso eu leria.

    Beijo!
    Ana.

    ResponderExcluir
  6. Arre! Não faz isso comigo Nuccia!!! Adoro thriller seja de suspense de suspense, policial, psicológico e etc
    Daqui já levei vários o mais recente foi Éden a luxuria (ainda não pude ler)
    E este trata-se de serial killer envolvendo dois detetives o que me leva crer que tá mais para romance policial ( tô dentro)rs E como boa curiosa já imagino que os segredos podem ser até chocante, afinal os psicopatas muitas vezes são os nossos melhores amigos. Então, o que posso dizer é: Bora na Amazon!!!

    ResponderExcluir
  7. OOi Nu!
    Achei a premissa do livro bem interessante, mas acho que não leria. Não sei se sou forte o bastante. Essa coisa de feto... Me da uma agonia só de pensar.
    Dessa vez passo a dica! haha
    Beijoos!

    ResponderExcluir
  8. Olá Nu,
    Já li algumas resenhas desse livro e não tenho muita vontade de ler, infelizmente.
    Entretanto, achei interessante a construção do Vincent. Gosto muito de personagens assim.
    Fico contente que você tenha gostado da leitura e que a indique.
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  9. Oi Nuccia, a Fer que é resenhista no Blog já leu e resenhou essa obra. Ela gostou bastante.
    Adorei sua resenha, fiquei com muita vontade de conhecer a história também.

    Abraços

    ResponderExcluir
  10. Olá!

    Primeira resenha desse livro que leio e parece ser bem bacana, além de ter uma premissa bem original. Quem sabe eu leia em algum momento...

    ResponderExcluir
  11. Olá Nu
    que história perturbadora em??
    Gosto muito de ler livros diferentões assim e esse já vai para minha humilde lista.
    Ótima resenha
    Beijuh

    ResponderExcluir

Seja legal: aumente nosso ego deixando seu comentário!
Mas, ei! Cuidado aí! Sem comentários ofensivos!
Um imenso obrigado de todos nós!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...