menu

Destaques

sexta-feira, 22 de abril de 2016

18 Resenha [livro] - Sentinela

Olá, pessoas!!

Vamos continuar com nossa mania de nacionais este mês de abril? Tô meio atacada! Deve ser a Lua cheia! 

Mas, então... Trago a vocês mais uma resenha de livro nacional! Vem conhecer a delícia que é Sentinela, uma ficção sci-fi escrita pela autora Thaís Lopes!

Sentinela
Crônicas de Táiran - vol. 1
Autora: Thaís Lopes
Editora: Senhor da Lenda
Ano: 2015
Páginas: 299


*Obra cedida pela autora no formato digital para resenha referente a um desafio literário. 
As opiniões são exclusivamente nossas.

Não houve nenhum tipo de intervenção em nossos comentários.*

Sinopse:
Desde sua criação, ninguém atravessara os portões do Reino C'erit. Ninguém sabia o que acontecia por trás deles, ou qual havia sido o destino das pessoas que, tempos atrás, haviam se isolado ali para construir um novo lar. Por isto, até mesmo os Guardiões se surpreendem com a chegada de uma mensagem. Quando a Arqui-Guardiã Aíla é enviada em resposta ao chamado, ela não faz ideia do que vai encontrar. Mas nem mesmo uma vida inteira na cidade-fortaleza dos Guardiões poderia prepará-la para o que precisará enfrentar: traição, uma nova ameaça à Ordem, e um homem capaz de abalá-la.



Com um prazo de parcerias a cumprir é difícil sair da rotina e ler os gêneros que você realmente gosta. Eu curto terror, suspense, thriller, ficção científica e fantasia, mas vocês viram que o blog está com muitas resenhas de romances, dramas e (amém) fantasia.

Daí, quando surgiu a oportunidade de ler um livro nacional sci-fi, eu tive que agarrar com unhas e dentes! Ok, passei do prazo do desafio (aquele do meu blog parceiríssimo Livros & Tal), mas cara, que leitura deliciosa!!!!


Sentinela, o primeiro volume da coleção Crônicas de Táiran, é narrado em primeira pessoa pela protagonista a Arqui-Guardiã Aíla. Alguém no Reino C'erit envia um pedido de ajuda aos Guardiões, na cidadela de Linas, e Aíla é designada para averiguar o problema. 


Essa designação não é por ela ser uma ótima Guardiã, mas por ser recém-formada e desacreditada na Ordem, mesmo tendo sido treinada pelo Arqui-Guardião Aldaron Táiran, um dos mais poderosos e respeitados. Aldaron viajou para averiguar um desequilíbrio das forças em Ar-kari e desapareceu desde então. Somente Aíla sabe que ele está vivo e fraco, através da ligação que possuem. 

O estranho é que após a Grande Guerra, o Reino C'erit se afastou da Ordem e não permitiu a aproximação nem o contato dos Guardiões. Então, esse pedido de ajuda é muito suspeito. Ao chegar ao Reino, Aíla dribla os portões e é recebida pelo próprio Rei Kai Ithar. Apesar do Rei tentar esconder, Aíla descobre que o Reino foi atacado, várias crianças morreram e o príncipe foi sequestrado pelos guerreiros Airenis com o propósito de obrigar os C'erit a participarem de uma guerra contra os Guardiões.

Daí, para conseguir recuperar a criança, Aíla e Kai Ithar firmam uma aliança e dão início a uma ligação (alías, a forma como a ligação entre eles é firmada, meus deuses!!! Fiquei tipo =O). 


Descobrimos então que Aíla é uma das primeiras descendentes de Táiran a nascer com os poderes do povo, os Tairi'alen. Esse poder é letal e foi trabalhado e desenvolvido nas três forças com o apoio e a supervisão de Aldaron Táiran. Também permite que ela veja o mundo com sentidos mais aguçados, seja mais rápida, e possa arrancar a vida de muitos ao mesmo tempo sem nem usar as mãos. 

Em meio à luta, Kai e Aíla aprofundam essa ligação e agora um é uma âncora para o outro. Se um deles estiver próximo da morte, a vida do outro lhe sustenta. Mas não é apenas isso, é muito mais e eu não vou contar tudo! Sim, o livro tem foco voltado para ação e guerra, mas convenhamos que um romance bem elaborado é lindo de se ler!

O início tem muitos nomes e localidades, mas depois que se acostuma é bem fácil entender. O livro conta com várias cenas descritivas e muita ação desde o início. Os guerreiros Airenis não estão fazendo nada aleatório e contam com ilusionistas em suas tropas. A Ordem dos Guardiões está corrompida e o alto escalão, com medo dos poderes de Aíla, tentam culpá-la por traição (o que levaria à sua morte, mas daí no julgamento toda uma reviravolta acontece e.... leiam, pô!).

Também descobrimos um bocado do passado de Aíla e um dos porquês dessa guerra toda. Ah, meninos, quando vocês lerem como é a raiva de Aíla em ação....

Partiu falar dos personagens! Comecemos, obviamente com a nossa bela e guerreira protagonista, Aíla. É uma mulher de fibra, de caráter, que luta honestamente pela causa sem ferir seus princípios e juramentos de Guardiã, o que é comprovado no julgamento. Ela faz de tudo, inclusive correr risco de vida várias vezes, para salvar o príncipe, seu mentor e as vidas do Reino C'erit e de outros planetas. Uma personagem que você adora desde o começo, simpatiza com ela só pelo seu jeito meio debochado de pensar e se apaixona quando percebe a lealdade transbordando de seus atos e escolhas.

Kai Ithar, o outro protagonista, Rei dos C'erit, é o alien que eu queria ter. Os C'erit são um povo que demonstram suas emoções em formas de luz. Todo seu corpo tem pontos luminescentes que brilham o tempo inteiro. E, diga-se de passagem, que corpo! A minha imaginação foi muuuuuuito longe e eu morri de inveja da Aíla. É um homem de caráter e atitude, um Rei digno do povo que conduz, que demonstra confiança, que cuida e protege como ninguém.

Os personagens secundários também foram bem apresentados e construídos. Nenhum personagem foi largado de qualquer modo na história e todos tem um papel a cumprir e alguma ligação com a guerreira. Desde seu melhor amigo o Guardião Zid até a Alta-Guardiã Krisla, a chefe da 'corregedoria' dos Guardiões, poderosíssima por ser neta dos fundadores da Ordem. Cara, até o inimigo número um, chefe dos Airenis tem ligação com o passado de Aíla. Nada está no livro à toa!

A capa do livro é belíssima! Retrata alguns planetas e uma nebulosa, com tons de roxo e lilás, muito brilho estelar, sem parecer exagerado. O título do livro está em fonte bem simples e destacado, tanto pelo tamanho, quanto pela duas molduras em arabesco, tudo na cor branca.


Não dá pra dizer muito da diagramação interna, pois o livro que li foi cedido pela autora na versão digital. Mas posso afirmar que as letras estavam em bom tamanho, a fonte em itálico estava boa para leitura, e quando precisava (a noite, principalmente) eu dava um pequeno zoom e tudo ok.

Não lembro de encontrar erros de digitação ou pontuação, menos ainda de gramática. Se encontrei, nem registrei, como vocês podem notar.

Como opinião final, posso deixar bem enfatizado que é uma leitura dinâmica, cheia de ação, muita aventura, ótimas explicações, fluída e ao mesmo tempo intensa! Eu simplesmente devorei o livro tanto quanto me foi possível no meu dia a dia.

Bem escrito, com um enredo plausível, seres com poderes, guerras estrondosas, e até romance, o livro é intrigante e incrível. Você se apaixona pelos personagens, quer participar de suas lutas, apoiar o romance e vingar suas famílias.

Pra mim, quando eu me insiro na história do livro de tal forma que é difícil voltar à realidade, posso considerá-lo espetacular. E tenho dito!



Redes do livro:


 

Sobre a AUTORA:

Mineira do interior, Thais Lopes cresceu entre livros. Desde criança, cria histórias e mundos fantásticos. Seu primeiro livro publicado foi O Ciclo da Morte, uma fantasia urbana ambientada no Brasil. Atualmente mora em Belo Horizonte com seus seis gatos.


Redes e contatos do autor:


  
 


PROMOÇÕES ATIVAS:

Não deixe de participar das promoções do blog! Participe também do TOP Comentarista de Abril: você pode ganhar um exemplar do meu livro! Boa sorte!
 
  


É Blogueiro? Quer ser meu parceiro?

Para ser parceiro da Autora Nuccia De Cicco, acesse o formulário, clicando na imagem. A seleção vai até o dia 25 de abril!



Esse livro faz parte do Desafio Literário 60 Livros em 1 ano, organizado pelo Blog Livros & Tal, como minha leitura #12de60 e como desafio do mês de ABRIL: leitura de LIVRO NACIONAL.



Espero mesmo que vocês tenham gostado da resenha. Espero mais ainda que gostem do livro! É muito bom mesmo!

Agora, resta-me agilizar minhas leituras atrasadinhas para poder completar a leitura da coleção!

Gostou? Curta, compartilhe, comente! Ajude a divulgar a literatura nacional!

Boa leitura!

Até + ver!

18 comentários:

  1. Gostei bastante da resenha.
    Te entendo, é tão difícil cumprir os prazos das parcerias, e ler algo que você goste.
    Eu trabalho, estudo e me falta tempo para tudo.
    O livro parece ser muito bom, a premissa é muito interessante, gostei do senario descrito na resenha.
    Gostei bastante Nuccia.
    Vou garantir meu exemplar.
    Boa Noite.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Marlene! Procura, sim! Vira e mexe a coleção está com descontos na Amazon! é um ótimo sci-fi!

      Excluir
  2. Olá, faz um tempo que eu tenho muita vontade de ler essa série. PArece ser maravilhosa e com muitos elementos que me deixam grudada na leitura. Gostei da resenha, você mostrou os pontos principais do livro e fiquei muito mais curiosa. Isso é maldade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha... juro que não fui maldosa de propósito! Se o restante da série foi igual ao primeiro livro, só tenho a dizer: Caraca, meus deuses!!! Ar-ra-sa!

      Excluir
  3. Oi Nú, mais uma ótima resenha, parabéns!
    Eu não conhecia a série e achei as capas maravilhosas. o enredo também despertou meu interesse e já vou anotar a dica.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Quel!
      Vai por mim, vc vai amar! Fica de olho na Amazon que a Thaís libera promoções de vez em quando! ;)

      Excluir
  4. Como a ligação é firmada? Como? Como? NÃO ME CONTAAA, vou ler o livro. Kkk

    Não sou assim muito fã de fantasia,
    Mas essa história pareceu super envolvente e intrigante.

    Acho ótimo quando as autoras também dedicam tempo para deixar os personagens secundários profundos e interessantes.

    Quanto às capas,
    Lindas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oh só, vou dizer... primeiro eles chegam junto, dai então pá-pum! rsrsrs... Ah, zueira never ends! Capas maravilhosas e personagens muito legais! É mais ficção científica do que fantasia (naquele conceito atual de fantasia que temos), e é super bacana! Leia mesmo!

      Excluir
  5. Oiee ^^
    O livro parece ser interessante, mas eu não sou fã do gênero, então é uma série que eu estou adiando bastante. Porém, um dia eu vou ler...hehe' parece ser bacana e intensa, além de um pouco complexa, gostei da sua resenha :)
    MilkMilks

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, se vc não gosta de sci-fi, é besteira forçar. Tem fantasia e ação pra caramba, mas é muito planeta e muitas raças p se lembrar! Ainda assim, eu recomendo!

      Excluir
  6. Oi Nu, tudo bem??
    Eu curto muito livros de ficção e Sci-fi... este não me passou despercebido, mas pela quantidade de livros da série... tenho que deixá-la em standy by, porque tenho que terminar as séries que tenho aqui rs e são muitas... mas eu adorei a sua resenha... gostei de saber que a leitura do livro é bem dinâmica e nos deixa bem envolvidos com o enredo... gostei muito de tudo que li aqui... xero!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, eu tenho fugido de livros em série tb, mas este caiu no colo e eu não consegui largar! Se fosse físico eu teria terminado muito mais rápido! ;) Obrigada por vir!!!

      Excluir
  7. Oi Nu, sua linda, tudo bem?
    A sua empolgação é contagiante!!! Parece ter muita ação, muitas reviravoltas nessa trama. Eu gostei muito do aspecto de que ela está correndo perigo justamente porque a temem. Sou fã de ficção científica, já conhecia esse livro, mas não sabia o que esperar dele. Depois da sua resenha que ficou ótima, não vejo a hora de ler.
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cila!!
      Hahaha... empolgada nível hard!!!
      Confesso q quando recebi o livro pra ler tb n sabia mito bem o que esperar. Mas depois das 2 primeiras páginas... fiquei tipo =O queria mais!!!
      Leia sim, você vai amar!!

      Excluir
  8. Olá Nú,
    Que resenha mais maravilhosa!
    Adorei a premissa do livro, ele me pareceu repleto de ação e aventuras. Fiquei muito curiosa para conhecer a Aíla, parece ser uma personagem forte, decidida e bem construída.
    Já anotei a dica e espero ler em breve.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bruna!
      Tem muita ação mesmo! Algumas páginas são de tirar o fôlego! Garanto que Aila é uma personagem fodástica, de uma honra inigualável. Você vai adorar!!

      Excluir
  9. Como sempre, sua resenha está perfeita Nú!
    Como eu sempre digo, pra mim existe as fantasias que eu amo e as fantasias que eu não me prendem... Fiquei em dúvida em qual esse livro se encaixa, amei a capa e adorei a forma como você descreveu a história, mas fiquei com um pouco de receio por você citar que o livro é bem descritivo isso me incomoda algumas vezes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bruna!
      Então, o começo dele tem muita descrição pq precisamos entender o contexto histórico e as raças, mas nas partes de ação, a descrição não atrapalha, pelo contrário, sem ela não entenderíamos muito bem. Acho que o livro está no meio termo... Dá uma chance!

      Excluir

Seja legal: aumente nosso ego deixando seu comentário!
Mas, ei! Cuidado aí! Sem comentários ofensivos!
Um imenso obrigado de todos nós!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...