menu

Destaques

sexta-feira, 31 de maio de 2019

1 Resenha [livro] - Inferno no Ártico, de Cláudia Lemes


Preparem suas mentes, nucciamigos!

Fui obrigada a saudar a galera com um aviso, porque esse livro (nacional!!), cuja resenha trago hoje, é impactante, é cheio de adrenalina, de escuridão, de cenas fortes, de sangue.

Inferno no Ártico, da escritora Cláudia Lemes, lançado de forma independente pelo catarse, não é só uma magnífica história policial. É completamente terrível e, ao mesmo tempo, fascinante!

Quer conferir? Rola pra baixo!


Sobre o LIVRO:

Inferno no Ártico
Autora: Cláudia Lemes
Editora: Publicação Independente
Gênero:  thriller / policial / suspense
Ano: 2018
308 p.

Sinopse:
Assassinatos bizarros abalam a cidade de Barrow, Alasca, durante o período de dois meses de noite polar. A detetive brasileira Barbara Castelo desconfia que seu primeiro caso de homicídio tem ligações com ocultismo, e precisa superar suas diferenças com o parceiro, Bruce Darnell, além de sua fobia do escuro, para encontrar o serial killer antes que ele consiga completar sua missão macabra.

*Livro do acervo pessoal da blogueira*

terça-feira, 28 de maio de 2019

0 Resenha [livro] - Quando a Música Morreu, de Fê Friederick Jhones


Bem-vindos de volta, nucciamigos!

Mais uma leitura finalizada, mais uma resenha de livro nacional no ar!

Para os amantes de contos de fadas e de romances bem escritos, trouxe um livro que não pode faltar na sua estante! Vem conhecer Cecília e Álvaro na Vila das Estações, a cidade das rosas de Quando a Música Morreu, o novo romance de Fê Friederick Jhones, publicado pela The Books Editora!


Sobre o LIVRO:

Quando a música morreu
Autora: Fê Friederick Jhones
Editora: The Books
Gênero: romance
Ano: 2019
346 p.

Sinopse:
Cecília cresceu ao redor da Mansão das Rosas admirando as inesquecíveis rosas vermelhas, até que, em um dia especial, ela escuta uma música que a marca para sempre, fazendo-a se encantar pelas melodias. Após tristes acontecimentos, Cecília vai embora da Vila das Estações e só retorna dez anos depois, percebendo muitas mudanças: a Mansão estava escura e abandonada, seu dono tinha hábitos reservados, além de um mistério que cercava as rosas vermelhas e a música. Será que a jovem, curiosa e atrevida, conseguirá descobrir os segredos que cercam aquele lugar? Ou o seu dono, isolado e furioso, a afugentará para sempre? Uma história inspirada no conto de fadas A Bela e a Fera. Um romance, apaixonante e delicado, sobre perdas e cicatrizes, enlevado pela magia do amor e da música.


*Livro do acervo pessoal da blogueira*

sexta-feira, 24 de maio de 2019

0 Resenha [livro] - Belleville, de Felipe Colbert


"Olá, enfermeira!" XD

Só os fortes (gente com mais de 20 anos) entenderão a saudação!

Mas deixando essa brincadeira besta de lado... É dia de resenha de livro nacional!!

Uns dias atrás tive de viajar e isso significa horas de ônibus livres para leitura! Assim, deu para começar e finalizar a leitura de Belleville, um romance incrível escrito pelo Felipe Colbert e lançado pela Novo Conceito Editora!

Rola pra baixo!


Sobre o LIVRO:

Belleville
Autor: Felipe Colbert
Editora: Novo Conceito
Gênero: romance
Ano: 2014
304 p.

Sinopse:
Se pudesse, Lucius aterrissaria em 1964 para ajudar Anabelle a realizar o grande sonho do seu falecido pai! De quebra, ajudaria a moça a enfrentar alguns problemas muito difíceis, entre eles resistir à violência do seu tio Lino. Claro que conhecer de perto os lindos olhos verdes que ele viu no retrato não seria nenhum sacrifício... Sem conseguir explicar o que está acontecendo, Lucius inicia uma intensa troca de correspondência com a antiga moradora da casa para onde se mudou. Uma relação que começa com desconfiança, passa pelo carinho e evolui para uma irresistível paixão – e para um pedido de socorro...


*Livro do acervo pessoal da blogueira*

terça-feira, 14 de maio de 2019

0 Resenha [livro] - Avenida Paulista 22, de Anderson Borges Costa


Olá, queridos!

Sei que tenho andado muito afastada daqui e tenho bons motivos para isso.

Mas o que importa mesmo é que as leituras continuam e que também continuarei a trazer resenhas a vocês.

E por falar em resenha... que tal conhecer um livro nacional que traz um apanhado histórico na São Paulo de 1922, traz uma visão da mesma São Paulo mas em 2022 e ainda por cima nos apresenta conceitos matemáticos e científicos misturados no texto de forma elaborada e bacana?

Vem conhecer Avenida Paulista 22, o novo livro do autor Anderson Borges Costa, lançado pela Editora Giostri esse ano!


Sobre o LIVRO:

Avenida Paulista, 22
Autor: Anderson Borges Costa
Editora: Giostri
Gênero: romance, ficção
Ano: 2019
180 p.

Sinopse:
"Avenida Paulista, 22" é um romance de ficção que dialoga de perto com a História do Brasil. Narra a trajetória de Osvaldo, um adolescente que entende muito de matemática e de física, nascido no início do século 20 e que mora na avenida Paulista. A primeira parte do romance (“Avenida Paulista, 1922”) se passa no ano de 1922, quando Osvaldo tem 16 anos. A curiosidade e a inteligência o aproximam do severo professor Celso, que lhe dá aula de matemática no Grupo Escolar Rodrigues Alves, escola estadual que funciona até hoje na avenida. O jovem Osvaldo, fazendo associações matemáticas e físicas estimuladas pela descoberta de seu amor pela vizinha Joana, sem saber, comprova, através da trigonometria, a existência de um ponto móvel, que está sendo estudado no Brasil pelo professor Celso e na Alemanha pelo vencedor do Prêmio Nobel de Física, o famoso cientista Albert Einstein. A segunda parte do romance (“Avenida Paulista, 2022”) se passa no ano de 2022 na mesma avenida Paulista, para onde Osvaldo se desloca após cruzar o ponto móvel em 1922. Mistério, paixão, traição e suspense temperam este romance. Os 100 anos da Semana de Arte Moderna e os 200 anos da Independência do Brasil são lembrados na segunda parte do livro, que acentua os contrastes e as transformações pelas quais a avenida Paulista (metáfora de São Paulo e do Brasil) passa da noite para o dia (ou seja, de 1922 para 2022).


*Obra cedida pelo autor no formato impresso para resenha referente a parceria 2019. As opiniões são exclusivamente nossas. Não houve nenhum tipo de intervenção em nossos comentários.*


terça-feira, 2 de abril de 2019

2 Resenha [livro] - Honra e Justiça, de Suzana Chaves Linhares


Olá, leitores, seus lindos!

Que o comecinho de abril traga novas leituras!!

E por falar em nova leitura... que tal um livro nacional com uma mensagem importantíssima? Resenha nova, sim, e daquelas de fazer você correr pra ter o livro!

Vem comigo conferir a história de Honra e Justiça, o novo romance da autora e amiga Suzana Chaves Linhares, lançado em março no formato digital, lá na Amazon!


Sobre o LIVRO:

Honra e Justiça
Autora: Suzana Chaves Linhares
Editora: Independente (Amazon)
Gênero: drama / literatura feminina
Ano: 2019
184 p.

Sinopse:
Beatriz Castro é uma jovem advogada com a carreira em ascensão. Ela trabalha em um renomado escritório de advocacia em Toronto, onde é responsável por casos na Vara de Família. Melinda Jones é esposa de um grande empresário da construção civil em Toronto. Tem uma bela casa, uma família unida e um casamento estável. Duas mulheres, dois destinos cruzados, duas vidas transformadas... Elas estariam dispostas a abrir mão do que amam e acreditam para defender algo maior? Uma história sobre coragem, amor e determinação.


*Obra cedida pela autora no formato digital para resenha referente a parceria 2019. As opiniões são exclusivamente nossas. Não houve nenhum tipo de intervenção em nossos comentários.*


terça-feira, 19 de março de 2019

1 Resenha [livro] - 100 escovadas antes de ir para a cama, de Melissa Panarello


Bom dia, leitores!

Mais uma resenha, mas dessa vez é um livro estrangeiro e o tema é bem pesado.

Foi um livro que gerou polêmica na época do lançamento, ainda traz bastante discussão e muitos leitores não gostam dele, talvez por não conseguir captar a essência da mensagem.

Bora conversar sobre 100 escovadas antes de ir para a cama, escrito por Melissa Panarello, edição de bolso da Ponto de Leitura.


Sobre o LIVRO:

100 escovadas antes de ir para a cama
Autora: Melissa Panarello
Editora: Ponto de Leitura
Ano: 2010
Gênero: drama
164 p.

Sinopse:
No inverno europeu de 2002, longe dos olhos da mãe e do pai, a jovem italiana Melissa Panarello começou a escrever um diário em que relatava, sem pudores e meias palavras, as precoces e variadas experiências sexuais vividas por uma colegial entre os 15 e os 16 anos. A história de Melissa começa quando ela perde a virgindade aos 15 anos de idade. A descoberta de um mundo novo e diferente, o desejo de amar e se sentir amada e a ilusão de encontrar este sentimento através do sexo. É esse o ponto de partida para um relato que mistura de forma provocadora ficção e realidade, num vasto e surpreendente rito de iniciação sexual. Durante dois anos a protagonista do livro experimenta as mais diferentes práticas sexuais, como se desejasse, através delas, transcender o corpo. Sexo grupal com desconhecidos, orgias regadas a drogas, sadomasoquismo, homossexualismo: nada detém sua curiosidade, mas seu prazer é tingido de repulsa e insegurança. Em sua busca desenfreada, Melissa acaba caindo em um túnel escuro de humilhação e dor, onde se arrisca a perder para sempre aquilo que tem de mais precioso: ela mesma. Antes de dormir, Melissa escova cem vezes os longos cabelos, num ritual de purificação quase infantil que constitui, para o leitor, o único lembrete de que se trata, afinal, de uma menina. Um dos motivos que transformaram Cem Escovadas Antes de Ir para a Cama em sensação literária foi a tênue fronteira entre autora e personagem. Além de compartilhar com sua protagonista o nome, Melissa, a jovem autora afirma ter vivido todas as experiências narradas, trocando apenas nomes e datas. Características que fazem de seu relato uma visão da adolescência em um país onde o sexo ainda é cercado de tabus, e um retrato revelador da sexualidade neste começo do século 21.


*Livro do acervo pessoal da blogueira*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...