menu

Sorteios

sexta-feira, 10 de abril de 2015

0 Resenha [livro] - Cidade das Almas Perdidas

Oi, pessoinhas!

Vamos continuar com a coleção Instrumentos Mortais? Estamos quase, quase acabando!

O quinto e penúltimo volume é Cidade das Almas Perdidas e agora a luta contra Sebastian está quase no ápice! Sinopse? OK:

*Livro do acervo pessoal do blogueiro*

Quando Jace e Clary voltam a se encontrar, Clary fica horrorizada ao descobrir que a magia de Lilith, um demônio muito poderoso, ligou Jace ao perverso Sebastian, transformando o Caçador de Sombras em um servo do mal. A Clave decide destruir Sebastian, mas não há nenhuma maneira de mata-lo sem destruir Jace. Clary e seus amigos, no entanto, irão tentar mesmo assim. Ela está disposta a fazer qualquer coisa para salvar o namorado, mas ainda pode confiar nele? Ou ele está realmente perdido?



E a resenha já está chegando, mas, ei! Cuidado aí, tem spoilers dos livros anteriores:

segunda-feira, 6 de abril de 2015

0 Resenha [livro] - Amada Imortal

Oi, pessoas!

Vida corrida, notícias bombásticas em breve! Enquanto isso, vamos resenhar?

O livro a ser resenhado hoje é Amada Imortal, escrito por Cate Tiernan e publicado pela Editora Galera Record, em 2013. Meu livro já é a 5ª edição.

Cate Tiernan é o pseudônimo de Gabrielle Charbonnet; natural de Nova Orleans, seus primeiros livros foram infantis. Ela participou da edição da série "The Secret Circle", de L.J.Smith e sua coleção mais conhecida é "Sweep" ou "Wicca", que já tem 15 livros publicados nos EUA (nenhum no Brasil ainda...) e cujo enredo trata de Morgan, uma bruxa descendente de uma antiga linhagem com poderes a serem usados tanto para o bem, quanto para o mal.



Amada Imortal é uma trilogia mais recente e teve a seguinte sinopse divulgada:

*Livro do acervo pessoal do blogueiro*

Primeiro livro de bem-sucedida trilogia, mistura fantasia sobre imortais a uma história moderna de jovem em busca de si mesma e de redenção. Questões de identidade e moralidade aparecem na trama, protagonizada pela imortal Nastasya. Nascida em 1551, acostumada a beber e sair para baladas cada vez mais loucas, ela perdeu o rumo. Suas conexões com outros imortais, interessados apenas em suas habilidades mágicas, a fazem partir em busca de um propósito. E o encontra em uma espécie de clínica de reabilitação para os de sua espécie, onde conhece um pouco mais sobre o próprio passado e cria importantes laços para o futuro.



E a resenha? Vamos lá:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...