sexta-feira, 3 de julho de 2015

2 [Cheiro de livro novo] - Mais, sempre mais!

Alou, pessoas!!

Sintam o cheiro!

Que delícia!!

Nada como um livro novinho em folha... 

Tá, ok... Não são tão novinhos assim, já que comprei de uns coleguinhas... E, obviamente, e-books não exalam aquele cheirinho característico, mas... putz grila... custava me deixar continuar na minha empolgação? 

Pois que se dane! Estou empolgada mesmo!!!

Saca só as últimas novidades e próximas resenhas:

E-books
Amo de coração quando os autores ficam loucos e fazem promoções malucas na Amazon. Eu loto meu app Kindle e nem sei quando vou começar a ler... Mas, vou!


quarta-feira, 1 de julho de 2015

8 Resenha [filme] - Cinderella

Oi, gente!

Julho começou chacoalhando geral! E, pra variar, a atrasadinha aqui tem resenha de filme nova pra vocês! Quer dizer, a resenha é nova, mas o filme nem tanto...

Enfim... Hoje, nossa resenha é sobre o filme Cinderella, lançado em março de 2015 nos cinemas. Dirigido por Kenneth Branagh, é uma nova versão (mas não uma adaptação) do filme de 1950 da Disney, baseado no conto de fadas escrito por Charles Perrault.

A sinopse divulgada, pois sempre há uma, foi esta:

A história segue a sorte da jovem Ella, cujo pai comerciante se casa novamente após a trágica morte de sua mãe. Para dar apoio ao seu pai, Ella recebe uma madrasta, Lady Tremaine, e duas irmãs, Anastasia e Drisella, na casa da família. Mas quando o pai de Ella, de repente e inesperadamente some, ela encontra-se à mercê de uma nova família ciumenta e cruel. Relegada a nada mais do que uma serva, Ella passar a ser chamada de "Cinderella" já que ela costumava a trabalhar nas cinzas. Apesar da crueldade infligida sobre ela, Ella está determinada a honrar as últimas palavras de sua mãe de "ter coragem e ser gentil", e não ceder ao desespero ou desprezar aquelas que abusam dela. Sem saber que o estranho arrojado que ela conheceu na floresta é um príncipe e não apenas um funcionário do palácio, Ella sente que finalmente encontrou uma alma gêmea. Preocupado com a sucessão ao trono, o Rei idoso e doente envia um convite aberto para todas as donzelas participarem de um baile para que seu filho pudesse encontrar uma esposa e garantir a continuidade da dinastia. Ella espera ir e encontrar o charmoso "Kit" (um apelido dado a ele por seu pai). No entanto, a madrasta a proíbe de participar e rasga seu vestido. Mas, como em todos os bons contos de fadas, a ajuda está perto, como uma mulher mendiga gentil, com uma abóbora e alguns ratos, muda a vida de Cinderela para sempre.

E, começamos a resenha:

terça-feira, 30 de junho de 2015

0 Resenha [seriado] - Gotham

Ei, pessoas!

Tantas novidades pipocando e meu trabalho alucinado, mas consegui finalizar mais um seriado!

A resenha de hoje é sobre Gotham. Para os desavisados de plantão, Gotham é uma série BASEADA nos quadrinhos que deram origem ao nosso super-herói galã Batman.

GOTHAM
Gotham, 2014
HQ, drama, fantasia, ação

Sinopse:
Um novo recruta do Departamento de Polícia de Gotham da capitã Sarah Essen, Detetive James Gordon se junta com Harvey Bullock para resolver um dos casos de maior destaque de Gotham: o assassinato de Thomas e Martha Wayne. Durante sua investigação, Gordon conhece o filho dos Wayne, Bruce, agora sob os cuidados de seu mordomo Alfred Pennyworth, o que incentiva Gordon ainda mais a capturar o assassino misterioso. Ao longo do caminho, Gordon deve enfrentar a máfia liderada por Carmine Falcone, bem como muitos dos futuros vilões de Gotham, como Selina Kyle (Mulher gato), Edward Nygma (O charada) e Oswald Cobblepot (Pinguim). Eventualmente, Gordon é forçado a formar uma improvável amizade com Bruce Wayne, que irá ajudar a moldar o futuro do menino em seu destino de se tornar O Cavaleiro das Trevas.

segunda-feira, 29 de junho de 2015

4 Parceria [autores] - Carine Raposo + [Book-tour] - O Penhasco

Oi, gentem....!

Mais uma notícia linda de morrer!!

Em menos de uma semana, o blog foi selecionado para o segundo book-tour! Junte a isso as novidades da parceria com a autora e estamos todos vendo arco-íris (sem analogias, por favor) no meio do furacão!!

\o/ \o/ \o/ \o/


Esse book-tour foi organizado pela própria autora. A autora é ninguém menos que a simpática e delicada Carine Raposo, que escreveu O Penhasco! O tour, como a maioria sabe, é uma forma de firmar parceria, auxiliar a divulgação da obra de diferentes formas, sendo resenha a forma principal.


domingo, 28 de junho de 2015

0 [Surdos que dançam] - Myra Medrana

Bom dia, gente!

Resolvi continuar as postagens da TAG personalidades surdas. Esse projeto faz parte do livro "Pérolas da minha surdez". Pesquisei várias personalidades, famosas ou não, internacionais ou brasileiras, que possuem grandes histórias de vida apesar da surdez e/ou por causa dela.

Vou logo dizendo que não quero defender nenhum ponto de vista. Aqui não existem surdos unicamente oralizados, sinalizados, bilíngues ou implantados. Aqui não fazemos distinção entre surdos e deficientes auditivos, se perdemos a audição por doença, acidente, ou disfunção genética. Ninguém aqui quer saber se você já nasceu assim, perdeu na adolescência, na fase adulta ou quando já estava idoso.

Aqui, o que realmente fazemos é mostrar que a surdez, a perda da audição, não nos impede de sermos tão humanos quanto aqueles que ouvem. Que podemos continuar com nossa vida, termos nossos amigos, namorados, amantes. Conseguirmos carreira, profissão e empregos, seja da área científica, humanas, exatas ou artes.

Vocês ja viram que Thomas Edison, um dos cientistas mais conhecidos da atualidade, o inventor da lâmpada elétrica e outros tantos aparelhos, era surdo desde os 13 anos de idade.



Hoje, saindo da ciência, vou apresentar uma personalidade do mundo artístico. Myra Medrana é coreógrafa e diretora da Cia de Dança Filipina Dulaang Tahimik ng Pilipinas (DTP). 


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...